DIY – Quadrinhos/Molduras

Aos poucos nossa sala de estar está ganhando uma carinha diferente (e um pouco mais moderna). Sempre quis ter uma parede cheeeeia de quadrinhos (dos mais variados estilos). Por conta disso, resolvemos colocar a mão na massa!!!

Não temos muitas habilidades para o conhecido “DIY – faça você mesmo” (quase sempre dá errado), mas resolvemos arriscar mais uma vez! Vamos começar? (Estou me sentindo a Eliana – Bom dia & Cia). Para o DIY de hoje, compramos três quadrinhos simples (R$ 5 cada) e um spray metalizado dourado (R$ 19,90).

Simples, rápido e bonito! Foi só esperar secar e estava pronto um quadrinho novinho e moderno! Repetir quantas vezes for necessário (rsrsrsrs).

Para os poster´s compramos três folhas de papel couché brilho (R$ 0,50 cada) e escolhemos três frases/palavras que gostamos e tem significado para nós:

  • Faça mais o que você ama!
  • Inspire
  • Força, Foco e Fé

Gostaram?

S2

Reforma – Parte 01 (rack ➕ papel de parede)

Reformar: e Tornar novo, dar nova forma, reparar. Reorganizar. Renovar. Melhorar.

Então: adeus sala de estar antiga (rack amarelo + molduras coloridas + bolinhas pretas na parede) e bem vinda sala de estar nova (rack retrô preto + parede tijolinhos + molduras pretas, brancas e douradas).

Nossas primeiras compras chegaram ontem: rack preto retrô (Mobly – R$ 279) e 3 rolos papel de parede (Adesiveshop – R$ 49 cada). Vamos trabalhar?

E foi Assim começou nossa noite romântica de quarta-feira … entre muito papelão, plástico, pregos e parafusos!!!

Você sabia que para montar um rack precisa de pelo menos 50 parafusos? Chegamos à seguinte conclusão: montagem de móveis não é nossa atividade preferida (e também não temos muita paciência, ele que o diga)!!!

Insira uma legenda

Após 2 horas de missão quase impossível, esse foi o resultado: um rack bem montado e todas as ferramentas espalhadas pela casa

Vocês acham que terminou? E o papel de parede? Esqueceram? Quanto sofrimento… mas está ficando assim!!!!

Simplesmente apaixonados pela reforma, renovação e mudança!

Se quiser acompanhar e deixar qualquer dica, vamos adorar!

Aguardem cenas das próximas reformas!

Osterfest – Pomerode/SC

Há pouco mais de 30km de distância do centro de Blumenau/SC, está a cidade mais alemã do Brasil: Pomerode/SC.

Na Páscoa (época mais gordinha do ano) acontece a conhecida Osterfest! Este tradicional festival acontece todos os anos na cidade de Pomerode, nos finais de semana que antecedem a festa cristã.

Por toda a cidade, a decoração é incrementada com o uso de símbolos tradicionais, como a Osterbaum, ou árvore da Páscoa.

pascoa 3

Neste ano, a Osterbaum tem 80 mil casquinhas (siiiimmmm, 80 mil!!!!!) de ovos presas nos galhos. É quatro vezes mais que os 20 mil do ano passado!!!!! Simplesmente surpreendente!

Pascoa 1

Quem gostou muito do passeio foi a nossa querida Zoey, olha o sorriso dela (foto acima)!!! Mas na foto abaixo…. ela foi simplesmente esmagada!!!

Pascoa 5

Pascoa 4

Adoramos conhecer e passear pela Osterfest. No local você também pode encontrar café colonial e área de alimentação típica alemã, regados de um bom café ou de um delicioso chope gelado (não deixe de passar na Schornstein, cervejas artesanais deliciosas!!!!).

Então, aproveita o feriado e vá conhecer este delicado lugar!

Pascoa 2

Beijos!!!!

Um paraíso budista “escondido” em Três Coroas/RS…

Nossa viagem n° 4. E hoje, bateu aquela saudade desse lugar…

Na Páscoa de 2015, resolvemos conhecer Três Coroas, Gramado e Canela (Rio Grande do Sul). Naquela ocasião, decidimos ir de avião até Porto Alegre/RS e lá alugamos um carro para passear na serra.

Seguimos viagem em direção à Gramado via BR 116 e, após 100km paramos em Três Coroas para conhecer o Centro Budista Khadro Ling – passeio obrigatório e gratuito! Localizado no alto das montanhas da Estrada de Águas Brancas, esse templo tibetano é o maior da América do Sul.

O primeiro impacto é causado pela visão quase mágica do majestoso templo vermelho, que passa a sensação de estar pairando sobre as nuvens.

DSCN0007

Isso, sem falar no barulho sem igual das Bandeiras de Oração. Segundo a tradição budista, as bandeiras, quando são tocadas pelo vento, enviam desejos auspiciosos para a região e para o mundo, com a intenção de que a paz, prosperidade e longevidade aumentem para todos.

DSCN0021

DSCN0022

As cores, o céu, a arquitetura, as texturas e as vibrações valem o passeio!  Cada cor simboliza um elemento, uma energia. O branco simboliza o éter, o azul a água, verde o ar, o vermelho o fogo e o amarelo simboliza o elemento terra.

DSCN0036

DSCN0055

Quando estiver passando pela região, não deixe de conhecer esse lugar. Mesmo não estando indicado no nosso guia 1000 Lugares para Conhecer Antes de Morrer, vale muito a pena.

Alguém conhece este lugar?

Depois deste passeio, seguimos para Gramado e Canela, mas isso é assunto para outro post! Aguardem!

Café da manhã de domingo!

Quando o domingo está ensolarado, nosso programa preferido é andar de bike na Rua XV de Novembro. Mas hoje o dia foi diferente, o domingo amanheceu super nublado. Assim, a opção foi caprichar no café da manhã!!!

Acordamos com vontade de comer PANQUECAS! E não é que adoramos!?

Receitinha fácil:

300g de farinha de arroz + 2 ovos + 200 ml de leite desnatado + sal a gosto. Rendeu 3 panquecas recheadas de peito de peru e queijo parmesão!

Foto 0

A vontade de provar era tanta que não conseguimos combinar a louça (prato + xícara) para postar uma foto bonita para o blog!

foto 1

Mas estava uma D-E-L-Í-C-I-A!

Faça você também esta receita e comenta aqui no blog se você gostou!

Alugada ou própria? Eis a questão…

Alguns anos se passaram, passamos no test drive (morar juntos), e chegou o status: CASADOS. A sociedade, indiretamente, tenta nos conduzir a seguir a máxima ‘Quem casa quer casa’, mas nós conversamos muito sobre o assunto ‘moradia’, e chegamos à conclusão de que seria melhor morar de aluguel.

Como nossas funções estão diretamente ligadas à valores, investimentos, compra, fomos  bastante racionais. Temos menos de 30 anos, recém-casados, terminando financiamento do carro, e querendo viajar pelo mundo todo. Será que valeria à pena se sacrificar (financeiramente) e adquirir a casa própria?

Analisamos e as mais importantes variáveis/ponderações/questionamentos foram:

1 – Como diz o Gustavo Cerbasi, especialista em finanças, a compra de uma casa nos ‘engessa’ geograficamente, e as oportunidades profissionais ficam num raio de no máximo 40 quilômetros de onde moramos. E se aparecesse uma baita oportunidade de emprego noutra cidade mais afastada?

2 – Financiar um imóvel engessaria boa parde de nossa renda, com um parcelamento de 20 a 30 anos. E será quanto valeria um imóvel no final deste tempo todo de pagamento, se avaliar depreciação, inflação e outros aspectos financeiros? Perderíamos dinheiro?

Não nos arrependemos de nossa escolha, de alugar. Despimo-nos também do pensamento popular que ‘O aluguel é um dinheiro jogado fora, pois pagamos por algo que não é nosso’. Nós não estamos morando bem por lá? Estamos comprando nossas coisas pra dentro de casa? E o mais importante, temos Netflix e ar-condicionado? A nossa resposta é SIM para as três perguntas.

Como mencionado o professor Cerbasi aí em cima, não saindo das considerações financeiras, o autor apresenta que uma idade boa para a compra de um imóvel é por volta dos 40 anos, quando, já tivermos filhos, e os mesmos já adaptados às escolas (independente de onde seja), estabilizados pessoal e financeiramente dentre outros pontos, maaaaaaaas, até chegar esta idade, temos que nos organizar para termos o recurso necessário para esta compra.

Enfim, moramos de aluguel. Estamos felizes. E comprar uma casa? É melhor viajar pelo mundo todo primeiro, depois pensamos em comprar casa.

Eu, ele e o mundo!

Além dos motivos que mencionamos para criação do blog (nosso diário, nossas lembranças…), pretendemos cumprir uma meta bastante audaciosa e pra lá de especial!

Somos extremamente apaixonados pelo mundo. Queremos conhece-lo de norte à sul, leste à oeste… E, por conta disso, escolhemos concentrar nossas forças (pelo menos, parte dela) para realizar o sonho de conhecermos juntos, no mínimo, 30 países (sim, eu disse trinta).

Para alguns pode parecer besteira, para outros até mesmo loucura. Mas para nós: um sonho! Provavelmente, este espírito aventureiro é resultado de um namoro à distância (ele na Bahia e ela em Santa Catarina) e, é claro, pelos vários momentos divertidos e felizes em nossas (ainda poucas) viagens dentro do Brasil!

Já temos viagens programadas/sonhadas até 2020 e para os mais variados destinos. Vamos conseguir conhecer esses 30 países? Não sabemos! Mas que graça tem a vida sem um sonho surreal para realizar?

Parte deste sonho começa a ser concretizado em maio/2017. Vamos conhecer 3 novos países! Quer se divertir conosco?

Contagem regressiva: 65 dias!

Nossa receita preferida…

Quando a sexta-feira chega, eis que surge nossa dúvida predileta: o que vamos cozinhar neste final de semana?

Uma das nossas grandes diversões é cozinhar. Sempre tentamos inovar ou inventar uma receita diferente, mas amamos as clássicas. Por isso, resolvemos cozinhar (e compartilhar) nossa receita preferida: Risoto de presunto de parma, queijo brie e rúcula!!!!!

Que tal?

Para começar, picamos os temperos: cebola e alho (bem pequeninho, pois o marido não gosta do “crec crec”).

1(1)

Olhando a foto não parece tão picadinho, mas ele não reclamou!

Após fritar bem os temperos, acrescentamos o arroz arbóreo e um pouco de vinho branco seco (não sou boa nas medidas, o vinho foi no olho mesmo!!!)

2(1)

Todo mundo sabe que o segredo do risoto é acrescentar as conchas de caldo de galinha (ou legumes, se preferir) aos poucos e mexer, mexer, mexer, mexer…. Quando o arroz estiver ao dente e bem cremoso, é hora de acrescentar uma colher de sopa de manteiga, o queijo brie picado e o presunto de parma desfiado.

3(1)

Quando o queijo estiver bem derretido e o presunto quentinho, só falta colocar algumas folhas de rúcula para completar o sabor indescritível desta receita que amamos! E depois? Só servir e saborear essa delicinha!

4(1)

Nós adoramos e vocês?

E agora? Qual será a próxima receita? Alguma dica?

Uma tarde/noite no Festival da Cerveja…

Sim, agora  Blumenau/SC é a capital nacional da cerveja (está na lei).  Ninguém é obrigado a gostar desta bebida amarga, mas NÓS gostamos!

E por isso, fomos conferir um pouquinho do que rolou no Festival  Brasileiro da Cerveja..

1

Pensamos em anotar o nome de todas as cervejas que bebemos, mas depois da 6ª não conseguimos mais. Só sabemos que a cerveja mais premiada do concurso (Cervejaria Tupiniquim), nós experimentamos. Ele gostou e eu não!!!

2

E entre uma cerveja e outra, bóra lavar o copinho!!! Adoramos estes higienizadores de copos, criatividade em foco!

4

Além das inúmeras cervejarias, a gastronomia também chamou nossa atenção. Aliás, estava com uma cara ÓTIMA (infelizmente, não TÃO saborosa). Optamos pelo hambúrguer de linguiça blumenau (R$ 22 ).

3

E depois dessa “passadinha” rápida no Festival Brasileiro de Cerveja, o que nos resta é esperar o próximo! Save the date: 07/03 e 10/03/2018. Até breve!

2

 

Início de uma história velha…

Fugindo de todos os padrões, quem casa NÃO quer só casa (aliás, a nossa casa é alugada mesmo). Quem casa quer viver, sonhar, viajar, comprar, reformar, mudar, amar, comer, decorar… Simplificando: quem casa quer um MUNDO de coisas!

Falando em fugir de padrões, nós resolvemos seguir o nosso! Foi assim quando nos conhecemos (pela internet mesmo rsrsrs), quando começamos a namorar, viajar, morar juntos e casar! Mas acho que é por isso que somos assim: felizes, mas do nosso jeito.

E foi por isso que resolvemos documentar (coisa de advogada) e criar este diário! Queremos ter lembranças, histórias, experiências e continuar em busca de um mundão de coisas.

Por isso, sejam bem vindos ao nosso mundinho!

cropped-foto-celular-12022017-016.jpg